Congregação do Oratório do Espírito Santo da Pedreira (Lisboa)

Localidade:
Lisboa
Entidade detentora:
Biblioteca Pública de Évora
Dimensão e suporte:

1 unidade de instalação

História administrativa / biográfica / familiar:

Congregação fundada em 1668 pelo Pe. Bartolomeu do Quental, após autorização régia e do cabido de Lisboa, sede vacante. Em 1671 obtinha de Clemente X a confirmação da fundação do instituto e em 1672 a aprovação dos respectivos estatutos. Instalados inicialmente no sítio da Boa Hora, transitariam para casa mais ampla, junto ao então hospital do Espírito Santo da Pedreira (na actual Rua do Carmo), ainda em 1674. A igreja sofreria importantes obras, já concluídas em 1690, e os Oratorianos encarregar-se-iam de ampliar a casa e de a enriquecer com importantes obras de arte. Sendo o convento duramente afectado pelo terramoto de 1755, os seus habitantes transitaram para o hospício das Necessidades. Embora as obras de reconstrução estivessem concluídas em 1792, os oratorianos opuseram-se a regressar à sua antiga casa, só o fazen- do, por intimação, em Julho de 1833. Aí ficariam apenas alguns meses, sendo a comunidade extinta pelo decreto de expulsão de 1834.

Instrumentos de descrição:

Fontes, João Luís Inglês; Serra, Joaquim Bastos; Andrade, Maria Filomena, Inventário dos Fundos Monástico-Conventuais da Biblioteca Pública de Évora , Lisboa, Edições Colibri, 2010

Conteúdos do fundo:
  • Fundo:
    Congregação do Oratório do Espírito Santo da Pedreira (Lisboa)
    Tipo:
    Livro
    Código de referência:
    Datas de produção / acumulação:
    1701/??/?? - 1800/??/??
Informação contida em outros fundos:
Não existem itens a listar.
Descrição documental:

Liliana Silva