Santa Casa da Misericórdia de Évora

Localização estrutural dos conteúdos:
Localidade:
Évora
Entidade detentora:
Arquivo Distrital de Évora
Conteúdos do fundo:
Não existem itens a listar.
Informação contida em outros fundos:
  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    ????/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Conjunto de recibos dos foros pagos à Santa Casa da Misericórdia de Évora pelas religiosas de São José. Estes pagamentos são feitos em géneros (azeite, trigo, cevada).

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    ????/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Conjunto de recibos da Santa Casa da Misericórdia de Évora, passados às religiosas do convento de São José relativos a pagamentos de foros impostos em herdades e casas da Misericórdia de Évora.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1870/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Conjunto de recibos de foros pagos à Santa Casa da Misericórdia de Évora sobre uma casa na rua de Avis, freguesia de São Mamede e sobre a herdade do Zambujal. O primeiro era pago em dinheiro e o segundo em alqueires de Azeite.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    ????/??/??
    Tipologia documental:
    Repartição
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Repartição da herdade de Pêro Pião por vários quinhoeiros que recebiam rendas e pitanças: as religiosas Carmelitas Descalças, a Misericórdia de Évora e particulares.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1804/??/?? - 1805/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Recibos passados pela Misericórdia de Évora à Religiosas de São José pelo pagamento do foro na herdade da Trombeira, em 1804 e 1805.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    ????/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Recibo de pagamento de foro de três alqueires de azeite à Santa Casa da Misericórdia de Évora pelas religiosas do convento Novo, sobre a herdade do Zambujal.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    ????/??/??
    Tipologia documental:
    Recibo
    Código de referência:
    Nível:
    Documento simples

    Conjunto de recibos da Santa Casa da Misericórdia de Évora, passados pelo mordomo do celeiro, Joaquim Máximo Calçada Pina.

  • Fundo:
    Convento de São José de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1852/09/30
    Tipologia documental:
    Recibo
    Nível:
    Documento simples

    Recibo de entrega de oitenta alqueires de trigo e quarenta de cevada, pago como foro pelas irmãs do convento de São José à Santa Casa da Misericórdia de Évora.

  • Fundo:
    Convento de São Francisco de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1525/01/04
    Tipologia documental:
    Compra/venda
    Nível:
    Documento simples

    A Santa Casa da Misericórdia de Évora vende por arrematação, uma herdade, situada no termo de Évora, onde chamam Benassilbe (?), ao mosteiro de Santa Clara de Évora, por trinta e sete mil e duzentos reais, com obrigação de dar um moio de trigo a Filipa de Melo, freira no mosteiro.
    A herdade foi deixada à Misericórdia por testamento de Aires de Melo, fidalgo da Casa Real e seu capelão, de quem o provedor da Misericórdia era testamenteiro.
    Arrematação feita por carta de recomendação de D. João III datada de 06 de Novembro de 1524.
    O mosteiro de Santa Clara é representado pelo licenciado Pedro Gomes Teixeira, seu procurador.

  • Fundo:
    Mosteiro de Santa Clara de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1529/05/11
    Tipologia documental:
    Instrumento de Posse
    Nível:
    Documento simples

    Frei Amador, frade da Ordem de São Francisco e capelão do convento de Santa Clara de Évora toma posse de umas casas que foram tomadas a Fernando Eanes Forgão por ordem de Garcia de Magalhães, fidalgo da casa real e juiz pela ordenação em Évora, na ausência do licenciado Gil Vaz Bugalho, juiz de fora.

  • Fundo:
    Mosteiro de Santa Clara de Évora
    Datas de produção/acumulação:
    1510/06/10
    Tipologia documental:
    Compra/venda
    Nível:
    Documento simples

    Traslado em pública forma do testamento de Brites Pires, solicitado por João Pires, escudeiro do rei, morador em Évora, irmão da defunta, a Pedro Vaz, bacharel em leis e juiz por mandado do rei. No testamento, redigido a 06 de Abril de 1508, pelo tabelião Diogo de Évora, Brites Pires pede para ser enterrada no convento de São Francisco de Évora, na sepultura do marido que fica no cruzeiro, que tem uma campa branca com uma aspa (?) de Santo André, para o que deixa bens como um quinhão na herdade da Pontega e deixa outro quinhão ao convento de Santa Clara de Évora, onde pede missas por alma. A defunta tinha uma irmã chamada Mor Pires que era freira no convento de Santa Clara.